Projeto da Lei Orçamentária é prejudicado

0
61

Executivo apresentou substitutivo, que passará agora pelas comissões competentes

Na tarde desta quarta (6), a 45ª Sessão da Câmara Municipal de Itatiba teve prejudicado o PL 94/2017. De autoria do Poder Executivo, a matéria seria apreciada em primeiro turno e estima a receita e fixa a despesa do Município para o exercício de 2018.

O projeto já havia recebido pedido de vistas na semana passada. Agora, sua discussão e votação foram prejudicadas porque o Executivo apresentou substitutivo. A nova proposta será encaminhada para que as comissões competentes deem seus pareceres. No texto original, o orçamento geral era de R$ 380.536.000,00. Em 2017, o valor foi de R$ 371.382.000,00.

Licença médica

O presidente da Câmara, vereador Flávio Monte (DEM), entrou em licença por motivo de saúde, por 15 dias, a partir de 2 de dezembro. Em seu lugar, assumiu Junior Cecon (DEM), suplente do partido. Já a presidência da Casa será ocupada pelo vice-presidente, Hiroshi Bando (PP).

Também foi concedida licença médica de 15 dias (contados a partir de 1 de dezembro), ao vereador Eduardo Pedroso (PPS). O suplente pelo partido, que ficará em sua cadeira, é Augustinho Lima (PPS).

Sessões Extraordinárias

Foram convocadas Sessões Extraordinárias para votar, até turno final, sete projetos de lei de autoria do prefeito Douglas Augusto. Os trabalhos estão marcados para sexta-feira (8/12), às 10h.

Requerimentos e indicações

Três requerimentos, endereçados à TCI e à Sabesp, foram aprovados pelo Plenário. Foram encaminhadas, ainda, 41 indicações solicitando providências da Prefeitura.

 

 

Deixe uma resposta